Dúvida Razoável

Caros Leitores,
Quero agadecer às criticas e elogios que venho recebendo de todos vocês. Ainda temos poucos acessos mas a participação vem crescendo, provando que muitos leitores possuem algo que chamo de "duvida razoável".

Falando nisso, recebi hoje um comentário da Kelly que, apesar de um tanto agressivo, o julgo genuíno e me pareceu justo redigir uma resposta já que muitos dos seus questionamentos também podem ser os de outros leitores. Espero que apreciem a leitura.

"Olá Kelly,

Primeiramente te quero agradecer por vir ao meu Blog e deixar sua crítica. O seu texto é muito importante para eu possa esclarecer alguns aspectos de minha crítica ao Sr. DD e da natureza do Blog que montei. Como pode perceber, o seu texto foi publicado na íntegra, sem cortes. Eu resolvi responder publicamente à sua carta porque me parece que muitas perguntas são extremamente pertinentes e a explicação a elas me parece razoável e justo. Então vamos a elas:

1 - Eu acho que você está corretíssima em relação ao fato de que eu, me mantendo anônimo, posso perder a credibilidade. Embora você esteja correta foi um risco que resolvi
correr não pelo medo de dar a cara à tapa, mas simplesmente de estar indo em contra uma ordem forte e cheia de membros influentes como a maçonaria.

Eu, por outro lado,
não faço parte de algum grupo, seja de reliogiosos ou estudiosos. Faço isso por conta própria. Pode parecer infantil e paranóico de minha parte, mas um homem precavido vale por dois. Essa é a única razão de eu me manter anônimo.

Por outro lado, eu me ofereci ao site S&H para criar uma coluna que fale sobre história das religiões, filosofia, comunições e artes. Como não obtive o espaço montei esse Blog que inicialmente conta com meus comentários publicados na íntegra, sem os cortes e manipulações promovidos pelo Sr. Marcelo DD e contendo as críticas e respostas aos ataques promovidos por este colunista.

Muito em breve pretendo publicar uma série de artigos, começando pela análise do filme "Zeitgeist" e comentando sobre as premissas falsas em que se baseiam para chegar à "conclusão" de que Jesus é uma cópia, uma paródia dos mitos de divindades solares.

Algumas dessas análises eu mesmo comentei na coluna do Sr. DD, sobre o fato de que Isis nunca foi virgem, nunca concebeu no dia 25 de dezembro, nunca foi tocada por um suposto "espirito-santo" chamado Nef e, ao contrário do que você que me acusa, eu cito sim as fontes, as únicas fontes oficiais que contam o mito de Isis e que se chamam Livro dos Mortos e "Paredes das Pirâmides". Agora, se além de citar as Fontes, coisa que o Sr. DD nunca faz, você desejar que eu busque no Google onde encontrar as mesmas, posso fazê-lo sem problemas.


Kelly, o fato de eu me manter anônimo não tem a ver com a qualidade ou pertinência destes importantes questionamentos. Somente quem entende de discurso e de retórica entende o quão importante é averiguar a veracidade das premissas usadas. Quem sabe o tema "retórica aristotélica" seja um tema que valha um post especial.


2- O tratamento Sr. DD é um tratamento de respeito, embora te pareça irônico, não vou chamá-lo de Marcelão, nem de Tio, nem de Del Debbio porque não tenho proximidade
e nem intimidade para faze-lo, ainda mais quando somos lados opostos de algo que deveria ser um debate.

Aqui nesse texto eu a trato de "você", para não pensar que eu estou sendo irônico com você também;


3- Aqui creio que não precisava ser mau educada. Sim, já estou trabalhando e já colei todas minhas respostas que foram editadas. Pelo menos todas as que eu tinha já que algumas, por inocência e confiança no colunista, não cheguei a guardar. Também comecei a publicar comentários de outros leitores, alguns inclusive maçons, mostrando que o recurso de manipulação é largamente empregado pelo Sr. Marcelo DD.

Você se deu o trabalho de ler ou sua agressão é simplesmente gratuita? Todos meus comentários manipulados estão publicados aqui, com seu devido permalink.


A propósito, ao me chamar ironicamente de "coitado" devo concluir que você é a favor de censura, manipulações e jogo sujo? É isso mesmo?

4- Neste caso é o Sr. DD que me acusa de fanático pela primeira vez, escapando do debate e recorrendo à injúria e à calúnia. Mais que isso, ele diz estar sendo perseguido por uma suposta seita de fanáticos religiosos que atacam sistematicamente seus textos. Sua defesa é baseada em desqualificar e manipular os argumentos de seu opositor mais do que provar suas informações com fontes (que você faz tanta questão de me pedir) e com a lógica.

Em meus textos eu
afirmo que fundamentalista e fanática é a pessoa que age dessa maneira que acabei de descrever. Mas você se esquece ou não chegou a ler em sua coluna que é o Sr. DD quem me acusa de fanático, sendo inclusive criticado por alguns de seus leitores. Veja AQUI, no segundo parágrafo do post e na resposta ao leitor TH13.

Sobre a "verdade", oras... Não é o próprio Sr. DD que afirma que as igrejas são dogmáticas e manipuladoras da verdade? Ao afirmar isso ele pretende fazer o leitor crer que ele detem a verdade e que seu discurso não contém dogmatismo, o que é uma mentira descarada.

Se você analisar todos os meus comentários enviados ao Sr. DD verá que eu discuto sobre a mesma base e usando
dos mesmos documentos por ele citados. Eu aceito discutir sobre fatos em vez de basearme somente em minhas crenças e minha fé.

Isso está provado quando questionei a
historia de Isis usando o Livro dos Mortos, e nunca recebi uma resposta em contrário, somente evasivas. Isso está provado quando citei os Livros Apócrifos que o Sr. DD tanto gosta de mencionar para provar que também eles falam da existência de Satan como anjo caído. Isso está provado também quando refuto a afirmação de que a Bíblia foi traduzida errada e que Moisés e Jesus passaram meditando 49 dias em vez dos 40 que diz a Bíblia.

Eu pedi ao colunista que comprovasse com estudos de eruditos que o número 40 foi erroneamente colocado no lugar do 49, ou que pelo menos gerasse uma dúvida razoável.


Vou te dar um exemplo de dúvida razoável: A Igreja Católica reclama para si o título de verdadeira Igreja de Cristo porque Pedro seria o primeiro Papa, certo?
Para isso, se baseiam no trecho
da Bíblia que diz "Pedro, tu es pedra e sobre essa pedra edificarei a minha Igreja".

Por outro lado os protestantes têm uma outra interpretação do texto original que está em
grego. Eles dizem que a palavra "Petros" quer dizer "pedrinha" e que Jesus usaria esse termo para contraste entre Ele, que seria "Petra" (grande rocha angular) e "Petros" (pedrinha) que seria Pedro.

Não vou me extender nessa explicação tampouco me meter no mérito da mesma porque se trata de um grande debate entre católicos e protestantes. Eu uso essa passagem para demonstrar que
existe uma dúvida razoável com relação a essa tradução do aramaico, língua de Jesus, para o grego, usado na maioria do Novo Testamento.

E uso essa passagem para
explicar o que eu quis dizer com estudos de eruditos sobre as Escrituras gerando uma "dúvida razoável". A explicação que nos dá o Sr. DD é resultante de uma conta louca para dizer que 49=40. Isso é pouco sério e apresenta uma enorme falta de critério e bom senso. Isso sim é insultar a inteligência do leitor. E se você leu todos os comentários dos leitores do meu Blog, vai perceber que já há gente reclamando dessa distorção sem apresentação de fatos e provas ou dúvida razoável.

Veja bem Kelly, enquanto houver leitores, em meu favor ou contra, mas que julguem interessante conhecer outras interpretações, como você mesma defende, continuarei escrevendo o meu Blog. E também continuarei postando comentários na coluna do Sr. DD sempre que encontrar fatos que mereçam uma discussão lógica e que gerem uma "dúvida razoável". E mesmo que esses comentários sejam deturpados, manipulados ou alterados, os publicarei aqui nesse Blog.

Não se trata de "veneração" ao Sr. Marcelo DD, se trata de respeito às pessoas que querem pesquisar e comparar os argumentos que estão em oposição. Ao editar e manipular meus comentários e de outros leitores, o colunista dá a falsa impressão de que TODOS seus leitores pensam igual e estão de acordo.

Agradeço a sua leitura e a sua curiosidade.

Graça e Paz,
Albert Pike

1 comments:

Escrevi aquele comentário por discordar em vários pontos contigo, sim. Mas se eu não desejasse um debate, não teria começado né? ;)
Não gosto de dogmas. Quando começar o debate de verdade, ae sim vamos aprender mesmo. Acho que nesse ponto você está agindo como o Lúcifer contra Adonay (no texto que vc mesmo citou): batendo de frente com algo que já está contra o que vc acredita.
Gostaria que você percebesse que o texto que vc postou de L x A dá a entender que tudo busca o equilíbrio, mas em quase todos os momentos pende para um dos lados. Ae você entenda como quiser, quem é Lucifer, Adonay, etc etc. Acreditar num mundo que Deus é supremo e Lucifer está para azucrinar a vida dos humanos é um tanto 'fairytale', ne? Há coisas muito mais complicadas a se estudar, e essa briga de bem contra mal resume mal toda essa treta.

1. Você tem medo do desconhecido, portanto. Bom, ainda sim sua credibilidade não vai rivalizar com o colunista mais antigo. E eu estou sendo realista: quem acredita em blog novo, em jornal novo? Credibilidade há em maior quantidade em quem está há mais tempo. Se eu dei a entender que seu material é inferior ao do TDC, não foi essa a intenção - mas esse lance de 'senpai' acontece em todo lugar. Enquanto você não se provar digno, vai ser lembrado como o primeiro agitador da coluna do DD. Somente. Se vc quer mostrar a 'verdade', não é desse jeito, entende?

1.1 do Zeigeist e Ísis: qualquer site sobre egiptologia fala que Ísis teve Hórus com a cópula que ela teve com o corpo do marido Osíris enquanto ela mantinha-o vivo com magia. O que se aproxima de Nef é Néftis, irmã e cunhada, que a ajudou a recolher os pedaços do marido pelos cantos do Egito.
Fato que isso foi manipulado no documentário, e ponto para você.

1.2 tenho acompanhado seus textos somente pelo blog, e aqui não vi as suas referências, sinto muito. E há colunas atrás o Marcelo tinha fontes sim - fornecia livros e tal. Ultimamente ele não tem fornecido não, concordo contigo.

2. Você só vai se provar oposto de algo que deveria ser um debate quando bater de frente com o que ele escreve. Ae sim a coisa muda de figura. Só chover no molhado nos comments não rende. Compare textos, faça tabelas, organogramas, nao sei - mas seja a antítese. Os leitores agradecerão a síntese =D Qd vc fala Sr. DD soa irônico, por mais que não seja essa a intenção - se eu te chamasse do mesmo jeito no primeiro comentário, oq vc pensaria?

3. Do jeito que vc relatou que os comentários estvam sendo deletados, deu a impressão que você queria a simpatia dos leitores, para que eles se solidarizassem com vc - e sim, pareceu que vc queria ser coitado. Se foi outra sua intenção (mais uma vez, depende de como você lê) além dessa e de alertar os leitores do que tá rolando.. ae eu não consigo ver, honestamente. E eu não suporto gente que só reclama e espera que o resto dê uma solução, então eu costumo chutar o balde. Se fui grossa (mal-educada vc ofende minha mãe! calma lá!!), desculpe. Mas eu te dei uma alternativa ao que imaginei ser sua reclamação em ter os comments deletados.
O que eu te sugeri foi: poste aqui seu comentário na íntegra, cole depois no S&H o permalink daqui do comentário, seja no seu nome lá, homepage ou qq coisa - assim o seu comentário aqui não vai ser alterado lá. Tendeu? Postando lá direto você está 'sujeito à manipulação', portanto.. vamonos botar a mão na massa e pensar de outra forma.

***Favor explicar a sua interpretação sobre 'coitado' e meu posicionamento sobre censura, manipulação e jogo sujo. Você está dando uma de paranóico em relacionar essas coisas, pois em nenhum momento eu tive a intenção disso. Por 'coitado' eu falei sobre seu posicionamento em reclamar aqui que seus comentários estavam sendo manipulados. Aliás, manipulando o discurso é o que vc tentou fazer agora.

4. fanatismo: a carapuça serviu? Se sim, hora de você vestir o colete e partir pra porrada - se não, comprar mais uma treta por algo que não tem nada a ver, para mim soa como.. birra de colégio.

(verdade) 5. ponto bem levantado. Ele sempre reforçou que é preciso buscar fontes, correr atrás, lá no início da coluna (evidente que vc não leu desde o início, apenas pegou o bonde andando). Há níveis diversos dos 12.500 leitores do TDC, e você precisa saber disso, pois o que distingue um fanático de um estudioso é seu bom senso, e não a fonte (vamos queimar o Alcorão pq ele incita à violência??). O leitor de bom senso vai distinguir, mas infelizmente eles são somente uma parte dos 12.500. Apesar de bem construído esse parágrafo, você o chama de mentiroso (mentira descarada) por uma coisa que ele supostamente 'pretende fazer o leitor crer'. Ooo véi, isso é manipulação também! E da sua parte!

(o número 40) 6. Eu achei muito estranha essa tradução também. Mas como vou comprovar se nunca vi nenhuma das fontes? E além do mais, eu não sei que raios de diferença faz se for 40, 49 ou 400:
o que importa é que os cujos passaram tempos meditando sobre fatos que mudaram suas vidas e dos outros.
A sua dúvida razoável é um lance bacana sim, e precisava ser discutido - Marcelo deveria ter explicado o lance da mudança desses números com fontes, fato.

Extra: Pelos seus textos, dá a entender que você não sabe o que é ser maçom. Acusar eles de adoradores de qq coisa e justificar seus ataques ao Marcelo porque ele é um soa como atitude de protestante fanático, SIM. Você não sabe como funciona a sociedade, portanto não tem como você criticar algo que não conhece - diferente de atacar a galera que manipulou a Bíblia, que possui um teto de vidro gigante.

Aguardo seus textos com os devidos temas que vc citou: história das religiões, filosofia, comunicações e artes.

AH SIM! Lembrando que a sua atitude em querer acabar com o texto do Marcelo é ridícula. Enquanto você não buscar ser a antítese que citei lá em cima e continuar interessado em atacar o trabalho dos outros... bom, continuo considerando você como um barraqueiro mascardo.

Kelly said...
May 4, 2008 at 8:48 PM  

Post a Comment